Perdão


Pedir perdão é algo dificil de se fazer, o mesmo acontece quando temos que perdoar aquele que nos ofendeu, ainda mais quando não é feito, o pedido de perdão.

Existem casamentos que se arrastam por anos, onde existem feridas enormes, que muitas vezes foram feitas la no inicio do casamento, de pequenas coisas que não foram tratadas e acabaram se tornando em um câncer.

Lembro de um casal de velhinhos, que foram casados por mais de cinquenta anos eu os conheci a quinze anos, e neste tempo todo, todas as vezes que eu os visitei, não teve um dia em que eles não se xingaram...feridas do passado, falta de perdão por coisas pequenas que com o passar dos anos serviram para destruir duas vidas, porque mesmo estando vivendo debaixo do mesmo teto, viviam como se fossem dois estranhos e sem contar a vida dos filhos que cresceram e acabaram copiando o modelo daquilo que vivenciaram por anos...

Discórdia, brigas, acusações, falta de paz, feridas...assim é um lar onde não existe perdão. Perdoar é uma decisão, é livrar a outra pessoa da punição e ao mesmo tempo é livrar-se da punição. Há um ditado que diz: Não perdoar é o mesmo que tomar veneno e querer que o outro morra.

Quando Pedro perguntou a Jesus se sete vezes seria o suficiente para perdoar uma pessoa, Jesus respondeu: Até setenta vezes sete. Mt 18.21,22. O que isso significa? que nós não temos o direito de guardar rancor, se queremos desfrutar daquilo que Deus tem para nossas vidas, precisamos perdoar.



Pastor Giovani e Pastora Glaci